Catarata

O que é Catarata?

A Catarata é a perda da transparência do cristalino, uma lente natural localizada dentro do olho, responsável pela focalização das imagens. A forma mais comum de catarata ocorre pelo processo natural de envelhecimento, mas também pode se maniferstar em recém-nascidos, na presença de doenças como diabetes, com o uso de medicamentos (como os corticóides) e após traumatismos ou infecções oculares.

No olho sem catarata, a visão é nítida. Quando o cristalino perde a transparência, a visão fica borrada devido à catarata.

Quais os sintomas da Catarata?

A dificuldade visual é o principal sintoma da catarata. O embaçamento visual não melhora com o uso de óculos quando o paciente tem catarata. Além disso, ocorre piora da visão noturna, ofuscamento, perda da discriminação de contrastes e desbotamento de cores. Como geralmente o aparecimento da catarata é lentamente progressivo, o paciente pode não perceber de imediato a piora da sua acuidade visual.

A visão de uma pessoa com catarata não tem nitidez.

Como diagnosticar a Catarata?

O diagnóstico é feito através do exame oftalmológico completo. Durante o exame, é necessário investigar se outras doenças oculares também são responsáveis pela dificuldade visual.

Qual o tratamento da Catarata?

O tratamento da catarata é exclusivamente cirúrgico. Não há colírios, alimentos, vitaminas ou exercícios que possam retardar ou reverter a catarata. A cirurgia deve ser indicada quando o paciente não consegue mais realizar suas atividades cotidianas com a mesma destreza de antes.

Quais os exames pré-operatórios da Catarata?

São realizados exames para avaliar as características anatômicas do olho e para calcular o valor do grau da lente que será implantada no lugar da catarata. Os principais exames complementares são: ceratoscopia computadorizada, paquimetria ultrassônica, microscopia especular de córnea, biometria e mapeamento de retina. Eventualmente, exames adicionais podem ser necessários.

Como é realizada a cirurgia de Catarata?

A moderna cirurgia de catarata é realizada através de um processo chamado Facoemulsificação. O aparelho facoemulsificador emite pulsos de ultrassom que dissolvem a catarata, permitindo a sua aspiração através de uma micro-incisão ocular que geralmente não requer sutura. Após a aspiração da catarata, é implantada uma lente intraocular transparente que permite a recuperação visual.

Etapas da cirurgia de catarata pela moderna técnica de facoemulsificação. (A) Aspiração da catarata por ultrassom; (B) Implantação da lente intraocular através de uma micro-incisão; (C) Lente intraocular bem posicionada dentro do olho.

Etapas da cirurgia de catarata pela moderna técnica de facoemulsificação. (A) Aspiração da catarata por ultrassom; (B) Implantação da lente intraocular através de uma micro-incisão; (C) Lente intraocular bem posicionada dentro do olho.

A cirurgia de Catarata é segura?

A Facoemulsificação é uma cirurgia segura, rápida e eficaz. Dependendo da situação, o paciente pode inclusive ter a possibilidade de ficar sem óculos após operado.